FUNDAÇÃO CESP TEM NOVAS REGRAS PARA AUXÍLIO-MEDICAMENTO E FAZ PARCERIA DROGARIAS

PortalFuncesp

FUNDAÇÃO CESP TEM NOVAS REGRAS PARA AUXÍLIO-MEDICAMENTO E FAZ PARCERIA DROGARIAS

As novas regras do auxílio-medicamento passam a valer a partir desta quinta-feira, dia 30. As mudanças foram realizadas para garantir a sustentabilidade do programa
e manter o benefício de forma justa para todos os participantes.
A partir de agora, a tabela que define o subsídio ao medicamento passa a variar de acordo com a renda dos usuários. Se, por um lado, alguns usuários de renda maior agora têm descontos menores, por outro, os beneficiários com renda menor, que antes tinham desconto de 35%, passam a ter subsídio de 40% em todos os medicamentos.
Outros, que tinham direito a 30%, passam a ter 35%.
O subsídio para medicamentos de doenças continua, mas foi modificado. Esse subsídio, que tinha um percentual fixo de 40%, também passa a variar de acordo com a renda mensal dos beneficiários.
A empresa que passa a operacionalizar o benefício é a Funcional Health, que tem convênio com mais de 25 mil farmácias e drogarias em todo o país.
A partir de agora, apenas nas cidades onde não houver farmácia credenciada pode ser feita a solicitação de reembolso.
Vale destacar que o auxílio-medicamento não tem qualquer relação com as mensalidades do plano de saúde.

Como utilizar o novo auxílio-medicamento?
Para utilizar o benefício, é necessário baixar no celular o aplicativo da Funcional Health. Neste aplicativo, você deve digitalizar a receita médica para apresentá-la em qualquer farmácia da rede credenciada, junto com o cartão Funcesp. Algumas farmácias também podem realizar a digitalização da receita.
Para baixar o aplicativo, é preciso acessar o Play Store (Android) ou App Store (IOS) e procurar por Funcional Health.

Parceria com drogarias
A Funcesp firmou convênios com a Drogaria São Paulo, Droga Raia e Drogasil que proporcionaram aos beneficiários da Sabesp descontos de 5% a 35% na compra de diversos projetos.
No caso da Drogaria São Paulo, os medicamentos genéricos tarjados terão os valores reduzidos em 35%. Já os itens de perfumaria e higiene pessoal terão um abatimento de 5%.
No caso da Droga Raia e da Drogasil, os remédios tarjados terão um desconto de 20%, enquanto os tarjados genéricos, de 30%.